O Abrigo (Bloodshed): Um dos filmes mais sem noção que existe

O Abrigo (Bloodshed) é um filme independente de origem estadunidense, lançado em 2005 sob a direção de Jim McMahon e estrelado por Íce Mrozek, Shana Lee e Christopher Childs. Sinceramente não é um dos melhores filmes de terror já feito. No Brasil, seu DVD é raro e foi lançado pela Casablanca Filmes.

O Abrigo (Bloodshed) – 2005

Sinopse: Frank e Donnie são dois irmãos que vivem em seu próprio retiro afastados de tudo e de todos. Os dois tentam viver tranquilamente em seu abrigo e tentam esquecer seu passado sombrio. Após Frank resgatar Donnie de um ataque que sofria dos valentões da cidade, os dois acabam descobrindo uma garota morta e raptam a única testemunha do crime. Agora, os dois tem um problema e tanto para resolver, pois o xerife local está na cola deles e a cidade inteira achando que eles são os assassinos.

o abrigo

O que falar deste filme? Não há muito o que falar! A não ser que você aluga ou compra um filme,chega na sua sala e se dispõe a assisti-lo. Acha que o filme é um estouro porque leu uma sinopse espetacular na costa do DVD. Quando o longa inicia você se depara com um início bem “podrinho”, são 5 minutos não tão criativos para um filme de assassinato. O desenvolvimento também não é nada agradável, mas parecia que o filme finalmente iria seguir a sinopse descrita, resultado, nada que se aproveitasse, dando uma vontade enorme de retirar o disco e trancafiá-lo para sempre no armário.

Com a esperança de que o filme fosse melhorar, continuo assistindo, com tédio, mas continuei. Finalmente algo descrito na sinopse acontece, Donnie leva uma surra dos valentões e Frank entra em ação dando muita porrada nos dois. Até aí tudo bem, o filme parecia finalmente mostrar algo interessante. A personalidade infantil de Donnie chega a dar raiva certas horas, como um marmanjão daqueles consegue ser tão tapado? É sério? O cara invés de ajudar o irmão a recolher lenha para não morrer de fome, o excitado começa a espiar uma garota que presenciou a surra que Frank deu nos valentões, e esta assustada saiu correndo. Ele espia a garota que estava quase sem roupa caminhar, pronto pra iniciar o amor solitário, se é que vocês me entendem, de repente, ela o vê e sai correndo, posteriormente morreu estupidamente.

shot0186

Tanto lugar pra essa criatura cair, ela tinha que cair em um galho pontudo e este perfurou sua barriga matando-a por hemorragia, pois a anta do Donnie demorou uma hora pra socorre-la. Fatalidade. Enquanto Frank finalmente se livra do xerife que está enchendo a paciência, Donnie aparece carregando o corpo da moça achando que Frank pode resolver o problema com um passe de mágica, para Donnie, Frank podia resolver tudo, como eu citei antes a infantilidade do rapaz chega a dar raiva.

Pra variar, a melhor amiga da moça liga para o celular dela e O BURRO Donnie atende, incriminando ele e seu irmão, que esta altura não precisavam de problemas desta gravidade. Sem saber o que fazer, eles sequestram a amiga, única testemunha de que os dois sabiam o que havia acontecido. Até aí, tudo bem, estavam desesperados, mas pra piorar o conceito do filme, de repente, Frank que era a pessoa mais lúcida do filme até o momento, enlouquece e começa agir feito louco. Perde a noção da realidade e passar a desconfiar de todos que passem pela propriedade. Para ele, a solução de seus problemas é matar qualquer um que passe pela propriedade a fim de manter o segredo do corpo morto que estava escondido na parede de uma das casas de sua propriedade.

Frank
Frank

As coisas começam a sair do controle, Frank finalmente convence Donnie a cortar os corpos junto com ele, e assim os dois vivem suas vidas bizarras matando qualquer pessoa que se aproximasse das redondezas. O final é a parte mais deprimente deste filme, sem nexo algum. Primeiramente não entendi nada, tive que assistir várias vezes, verifiquei se não era problema com o disco(acreditem, vocês pensariam isso também), pesquisei na internet e cheguei a conclusão de que o final é o contido no filme mesmo, deprimente.

A edição do filme também não é uma das melhores, tenho quase certeza de que este filme teve uma quantidade absurda de cenas cortadas, se repararem na capa do DVD, há fotos de cenas que não foram inseridas no longa, deixando um buraco em várias partes do filme. Sem mencionar a qualidade do vídeo que é péssima, parece vídeo caseiro.

Uma das cenas que não aparece no filme é esta, se repararem na costa do DVD, está inserida a mesma cena só que de frente.
Uma das cenas que não aparece no filme é esta, se repararem na costa do DVD, está inserida a mesma cena só que de frente.

As atuações de alguns atores são convincentes, um exemplo são os que protagonizam o filme, mas os coadjuvantes não parecem ter feito a lição de casa. Em minha opinião este filme foi uma total perda de tempo e falta do que fazer, cheguei a me perguntar por que uma coisa dessa existe? Desculpe a quem roteirizou, produziu e dirigiu este filme.

Então é isso que tenho a dizer sobre este filme caros leitores, eu não recomendaria pra quem quiser se entreter, para o fã incondicional do gênero terror, que é curioso e sem dúvida topa assistir, assista, tire suas conclusões e me diga se estou certo ou não.

Os sites que contém quantidade de informações detalhadas sobre este filme são IMDB e Interfilmes.

shot0187

Donnie
Donnie

shot0192

Infelizmente não conseguimos enviar o trailer com áudio, deve ter sido algum problema com o disco.

Trailer de O Abrigo (Bloodshed)

Sobre Jackson Tavares

Admirador do cinema, aprecia todos os gêneros cinematográficos com objetivo de levar ao leitor o que há de melhor do assunto.

Veja Também!

chamados2

Filmes de terror 2017 – datas e detalhes de 16 lançamentos imperdíveis

O ano de 2016 trouxe algumas novidades interessantes para os fãs de terror, no entanto, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *