Civil War – Guns N`Roses

Civil War é uma canção do grupo de hard rock norte-americana, Guns N’ Roses, originalmente gravada para Nobody’s Child, um disco para arrecadar fundos para crianças órfãs da Romênia, e depois incluída no álbum Use Your Illusion II. É uma canção que protesto contra guerras, dizendo que guerras “civis” apenas “enterram os pobres enquanto alimentam os ricos”.

HISTÓRIA DA MÚSICA LIVE AND LET DIE

A canção começou a ser gravada em meados dos anos 80, como um instrumental escrito por Slash antes de embarcarem para o Japão pela turnê de Appetite for Destruction.  Axl Rose mais tarde incluiu letras, e a canção foi terminada na cidade de Melbourne, Austrália. O outro compositor da faixa, Duff McKagan, diz que ele acrescentou letras baseadas em suas experiências de vida, como uma marcha para Martin Luther King (“Did you wear the black arm band when they shot the man who said: ‘Peace could last forever'”?).

Essa foi a última faixa gravada pelo baterista Steven Adler, que aconteceu em dezembro de 1989. As dificuldades de Adler com as drogas levaram as gravações de “Civil War” a demorar mais de 30 takes. A música tem dois samples, um discurso do filme Cool Hand Luke no começo, e um discurso de um general peruano no último solo. Trechos da marcha “When Johnny Comes Marching Home” aparecem no começo e final da música.

Nas apresentações ao vivo de “Civil War”, Slash costumava abrir a faixa com o riff de “Voodoo Child”, de Jimi Hendrix. Foi lançada no CD demo ‘Rumbo Tapes’ de 1987 e como single em 1989, e depois mais tarde remasterizada e lançada junto ao album User Your Illusion.

Créditos

Axl Rose – vocais, assobio, produção | Izzy Stradlin – guitarra rítmica, produção |Slash – guitarra solo & acústica, produção | Duff McKagan – baixo, backing vocals, produção | Steven Adler – bateria | Dizzy Reed – piano, produção.

SOBRE GUNS N’ ROSES

Guns N’ Roses (às vezes abreviado como G N’ R ou GnR) é uma banda americana de hard rock, formada em Hollywood, Los Angeles, Califórnia, em 1985. A banda já lançou seis álbuns de estúdio, três EPs e um álbum ao vivo. O co-fundador e líder Axl Rose e o tecladista Dizzy Reed são os únicos membros da formação clássica no atual Guns N ‘Roses.

A banda já vendeu mais de 100 milhões de cópias em todo o mundo, sendo cerca de 43 milhões somente nos Estados Unidos. O seu álbum de estréia em 1987, Appetite for Destruction vendeu cerca de 28 milhões de cópias no mundo todo, sendo certificado 17 vezes platina pela RIAA (Associação da Indústria de Gravação da América). (Wikipédia).

A formação atual inclui o vocalista e pianista Axl Rose, guitarristas solo Ron “Bumblefoot” Thal e DJ Ashba, guitarrista rítmico Richard Fortus, o baixista Tommy Stinson, tecladistas e backing vocals Dizzy Reed e Chris Pitman, e o baterista Frank Ferrer.

Civil War

Seu novo trabalho, Chinese Democracy foi lançado no dia 23 de Novembro (Estados Unidos) e 25 de novembro de 2008 no Brasil e já vendeu (10 de junho de 2010) cerca de 7 milhões de cópias em todo o mundo, atingindo a certificado de platina nos Estados Unidos por chegar a marca de 1 milhão de cópias.

LETRA ORIGINAL DA MÚSICA LIVE AND LET DIE

Vamos aprender a cantar em inglês Civil War

CIVIL WAR

(INICIO DA NARRATIVA)

Some men you just can’t reach

So you get what we had here last week

Which is the way he wants it, well, he gets it

I don’t like it any more than you men”

(FINAL DA NARRATIVA)

 

Look at your young men fighting

Look at your women crying

Look at your young men dying

The way they’ve always done before

 

Look at the hate we’re breeding

Look at the fear we’re feeding

Look at the lives we’re leading

The way we’ve always done before

 

My hands are tied

The billions shift from side to side

And the wars go on with brainwashed pride

For the love of God and our human rights

 

And all these things are swept aside

By bloody hands time can’t deny

And are washed away by your genocide

And history hides the lies of our civil wars

 

Did you wear a black armband

When they shot the man

Who said, peace could last forever

And in my first memories

They shot Kennedy

I went numb when I learned to see

 

So I never fell for Vietnam

We got the wall of D.C. to remind us all

That you can’t trust freedom

When it’s not in your hands

When everybody’s fighting

For their promised land

 

And I don’t need your civil war

It feeds the rich while it buries the poor

You’re power hungry selling soldiers

In a human grocery store, ain’t that fresh

I don’t need your civil war

 

Look at the shoes you’re filling

Look at the blood we’re spilling

Look at the world we’re killing

The way we’ve always done before

 

Look in the doubt we’ve wallowed

Look at the leaders we’ve followed

Look at the lies we’ve swallowed

And I don’t want to hear no more

 

My hands are tied

For all I’ve seen has changed my mind

But still the wars go on as the years go by

With no love of God or human rights

 

Cause all these dreams are swept aside

By bloody hands of the hypnotized

Who carry the cross of homicide

And history bears the scars of our civil wars

 

“We practice selective annihilation

Of mayors and government officials

For example to create a vacuum then we fill that vacuum

As popular war advances, peace is closer”

 

I don’t need your civil war

It feeds the rich while it buries the poor

You’re power hungry selling soldiers

In a human grocery store, ain’t that fresh

And I don’t need your civil war

 

I don’t need your civil war

I don’t need your civil war

I don’t need your civil war

You’re power hungry selling soldiers

In a human grocery store, ain’t that fresh

I don’t need your civil war

 

I don’t need one more war

I don’t need one more war

 

What’s so civil about war, anyway?

 

LETRA TRADUZIDA

Vamos entender o que está sendo cantado em Civil War

GUERRA CIVIL

(INICIO DA NARRATIVA)

“O que temos aqui é falha na comunicação.

Alguns homens você simplesmente não pode alcançar

Então você tem o que tivemos aqui semana passada

Que é a maneira como ele quer, bem, ele consegue!

E eu não gosto disso tanto quanto vocês homens.”

(FINAL DA NARRATIVA)

 

Veja seus jovens lutando

Veja suas mulheres chorando

Veja seus jovens morrendo

Da maneira que sempre fizemos antes

 

Veja o ódio que estamos criando

Veja o medo que estamos alimentando

Veja as vidas que estamos perdendo

Da maneira que sempre fizemos antes

 

Minhas mãos estão amarradas

Os bilhões passam de um lado para outro

E a guerra continua com orgulho de mentes lavadas

Pelo amor de Deus e por nossos direitos humanos

 

E todas essas coisas são deixadas de lado

Por mãos sangrentas que o tempo não pode perdoar

E que são lavadas pelo seu genocídio

E a história esconde as mentiras de nossas guerras civis

 

Você vestiu uma braçadeira preta

Quando atiraram no homem

Que disse “A paz pode durar para sempre”

E nas minhas primeiras memórias

Eles atiraram em Kennedy

Eu fiquei anestesiado quando aprendi a ver

 

Então eu nunca senti pelo Vietnã

Temos as paredes de Washington para nos lembrar

Que você não pode acreditar na liberdade

Quando não está em suas mãos

Quando todo mundo está lutando

Por sua terra prometida

 

E eu não preciso de sua guerra civil

Ela alimenta os ricos enquanto enterra os pobres

Sua fome de poder vendendo soldados

Em um mercado humano, não é uma graça?

Eu não preciso de sua guerra civil

 

Olhe os sapatos que você calça

Veja o sangue que fazemos jorrar

Veja o mundo que estamos matando

Da maneira que sempre fizemos antes

 

Veja a dúvida que temos engolido

Veja os líderes que temos seguido

Veja as mentiras que temos engolido

E eu não quero mais ouvir nada

 

Minhas mãos estão amarradas

Por tudo que vi mudei minha maneira de pensar

Mas a guerra continua à medida que os anos passam

Sem amor à Deus ou direitos humanos

 

Porque todos estes sonhos são deixados de lado

Por mãos sangrentas dos hipnotizados

Que carregam a cruz do homicídio

E a história carrega as cicatrizes de nossas guerras civis

 

“Nós fazemos aniquilação seletiva de

Prefeitos e oficiais de governo

Por exemplo, para criar um vazio depois preenchemos o vazio

Enquanto a guerra popular segue, a paz está próxima”

 

E eu não preciso de sua guerra civil

Ela alimenta os ricos enquanto enterra os pobres

Sua fome de poder vendendo soldados

Em um mercado humano, não é uma graça?

Eu não preciso de sua guerra civil

 

Eu não preciso de sua guerra civil

Eu não preciso de sua guerra civil

Eu não preciso de sua guerra civil

Sua fome de poder vendendo soldados

Em um mercado humano, não é uma graça?

Eu não preciso de sua guerra civil

 

Eu não preciso de mais uma guerra

Eu não preciso de mais uma guerra

 

É tão civil mas guerra de qualquer jeito?

 

CLIP DA MÚSICA CIVIL WAR

Para você que gosta
de soltar a voz com
a música de suas banda
favorita, temos um brinde.
Baixe o Play Back e
instrumental e divirta-se.
CLICK AQUI

Sobre Leonardo Caprara

Veja Também!

Capa do novo álbum "The American Dream Died"

Agnostic Front: a morte do sonho americano

Existem bandas que já nascem clássicas. Desde sua origem já possuem “certificado de garantia” e, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *