Ace Ventura 2 — Um show de risos

Ace Ventura 2: um Maluco na África é um filme de comédia lançado pela Warner Brós em 1995. É novamente estrelado por Jim Carrey, que na época estava no auge de sua carreira como ator, e com direção e roteiro de Steve Oedekerk. no final dos anos 90, ao contrário de seu antecessor, muito reprisado na Rede Globo na Sessão da Tarde, Ace Ventura 2 foi exibido no SBT logo nos primeiros anos da Tela de Sucessos, passando a ser exibido com muito destaque na Globo a partir de 2007.

Ace Ventura 2: Um Maluco na África (Ace Ventura: When Nature Calls) – 1995

Sinopse: Após não conseguir salvar um guaxinim da morte, Ace Ventura abalado, se instala em um retiro espiritual localizado no Himalaia. Até que recebe um proposta tentadora, Ace decide ir até a África para investigar sobre o sumiço do sagrada morcego branco Shikaka, um animal considerado sagrado por duas tribos nativas, os Wachati e os Wachootoos. Entre danças, saudações religiosas e muita, mas, muita confusão, Ace tentará encontrar de qualquer maneira o responsável pelo sumiço do animal antes que uma guerra entre as duas tribos se inicie.

ace ventura 2 capa

O filme tem uma classificação inferior ao primeiro, no Rotten Tomatoes possui 33% de aprovação e 72% de audiência. Mesmo com críticas não favoráveis, o filme conquistou o público da comédia e foi muito bem recebido. Jim Carrey retorna mais espetacular que nunca. Com muita expressão, Jim nos faz rir nas cenas em que é atingido por vários dardos tranquilizantes, na cena em que emerge da traseira de um rinoceronte mecânico e quando é perseguido por morcegos dentro de uma caverna escura. Abaixo, descrevo as minhas quatro cenas favoritas do filme, não podendo entrar muito em detalhes pois o longa é repleto de cenas muito cômicas e se tivesse de descrever todas, o filme todo seria entregue neste artigo.

Nas cenas iniciais, Ace se dedica ao salvamento de um guaxinim que se encontra preso em uma parte alta de uma montanha. Ventura o prende em um suporte e tenta atravessar através de uma corda que tem a outra ponta presa em um lugar aonde eles possam ficar em segurança. Na travessia, o suporte quebra, com todos os esforços Ace tenta segurar o animal, mas ele acaba caindo para a morte. Este fato é uma referência ao filme Risco Total de 1993, onde o personagem de Sylvester Stallone tenta sem sucesso salvar uma moça que cai de um precipício.

ace ventura foto 03

Já na África, nosso detetive é convidado para uma festa na casa de seu contratante, onde  um cachecol feito de um animal selvagem é usado por uma das convidadas. Ace Ventura indignado, inicia uma série de perguntas a moça. Com seu senso de humor imbatível, Ace dá um soco no marido da moça e desfila na festa com ele em seu pescoço como se fosse um cachecol.

Ace Ventura 2 foto 02
Os meus dentes estão sujos !

Atrás de vestígios que possam ajudá-lo em seu caso, Ace e sua tocha de fogo entram em uma caverna para achar pistas. Lá dentro, o detetive houve ruídos feitos por morcegos, este apavorado joga a tocha em direção aos ruídos, apagando a chama. Até aí parecia estar tudo bem, a próxima coisa que se vê é Ace Ventura correndo de dentro da caverna coberto por morcegos. É uma das cenas mais engraçadas do filme.

ace ventura 2 foto 04

Em uma de suas investigações, Ventura se disfarça dentro de um rinoceronte mecânico, mas o ventilador acaba dando defeito e como não pode ser descoberto, a única saída era aguentar ao máximo o calor. Retirando suas vestimentas uma a uma, devido o forte calor, e terminada esta parte da investigação, o detetive decide sair de dentro da máquina, mas acaba quebrando o trinco e ficando preso dentro dele. Desesperado ele procura por uma saída, até que finalmente ele a encontra… Assista ao vídeo abaixo.

ace ventura 2 foto 05

Jim não contracena novamente com Courteney Cox como par romântico. A atriz provavelmente, por estar atuando como Monica Geller no seriado Friends, não pode reprisar seu papel. Nos acontecimentos deste filme e os juntando com os do péssimo O Filho do Ace Ventura, podemos supor que a namorada de Ace, Melissa Robinson (Courteney Cox) teve de ficar na Califórnia. Então, Steve Oedekerk decidiu cortar pares românticos deixando Ace a flertar apenas com a princesa da tribo Wachati, que por sinal estava comprometida com um integrante de outra tribo, êita Ace, que roubada hein!!

ace ventura foto 02
Jim Carrey e Courteney Cox em Ace Ventura: Um Detetive Diferente (1994)

Com um orçamento de US$ 30 milhões, Ace Ventura 2: Um Maluco na África faturou mais de US$ 108 milhões em sua semana de estreia. Ganhou prêmios e indicações no MTV Movie Awards, Choice Awards Kids, American Comedy Award, ASCAP Award, Razzie Awards e Stinkers Bad Movie Awards. O filme ganhou seu lançamento nos cinemas brasileiros no dia 5 de janeiro de 1996 e foi um grande sucesso de bilheteria. Em março de 1996, as primeiras fitas VHS dubladas e legendadas eram lançadas no mercado de home vídeo. Em 2004, a Warner lança as primeiras cópias em DVD do filme, mas apenas com o idioma original.

Ace Ventura 2 — Um Maluco na África conquistou platéias de todo mundo e assim como o primeiro filme, é muito bem aceito pelos fãs e considerado por muitos, um dos filmes de melhor performance de Jim Carrey. Sua excelente expressão corporal e poder de interpretação são os pontos mais notáveis neste filme. Carrey teve a oportunidade de mais uma vez mostrar seu talento na pele de Ace Ventura  em um de seus melhores trabalhos no cinema junto de Debi & Lóide (1994), Ace Ventura (1994) e O Mentiroso (1999). Os diretores pareciam sempre pensar em Jim para personagens extremamente exagerados ou extremamente loucos, visto que para minha surpresa, no ano de 1994 Carrey entraria na pele de Edward Nigma, o Charada em Batman Eternamente, que por sinal é considerado um dos piores filmes já produzidos. Carrey teria que representar um ser perturbado mentalmente e emocionalmente, mas não deixando de lado a sua especialidade: fazer as pessoas rirem.

jim carrey batman forever
Jim Carrey em Batman Eternamente

 

Sobre Jackson Tavares

Admirador do cinema, aprecia todos os gêneros cinematográficos com objetivo de levar ao leitor o que há de melhor do assunto.

Veja Também!

a-chegada2

A Chegada: filme sobre aliens deixa lições para os humanos

É curioso que um dos sons mais agoniantes seja o do silêncio. Simon & Garfunkel já …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *