Jupiterian: Já chegou o disco voador!

Os jupiterianos já estão entre nós pra nos abduzir com seu som poderoso, capaz de rachar crânios, tamanho o peso que emana das caixas de som. O Jupiterian começou em meados de 2013 como Codex Ivpiter. Após alteração na formação, antes como quinteto, mudaram para o atual nome que, segundo os próprios integrantes, serviu pra dar mais coesão com a proposta inicial da banda. Praticando uma causticante mistura de Doom, Sludge e Death Metal, o quarteto paulistano tem em Archaic o capítulo inicial de sua saga no universo da música extrema. E que belo princípio, diga-se.

            O Música e Cinema, sempre na nobre arte de entreter o seu estimado leitor e trazer sempre o melhor dos dois mundos, com exclusividade traz até você a resenha deste belo trabalho. Confira e divirta-se!

Resenha Jupiterian: Archaic (independente/nacional-2014)

10641194_358028377688032_3953259266698933999_n

Se você é entusiasta da face mais alegre e extrovertida da música, sugiro que arrede o pé daqui antes que seja tarde demais, pois isso aqui é só para fortes. Pense num som pesado, mas muito pesado. Uma sonoridade fundada em concreto e banhada em chumbo. A bizarra definição serve só para situar o nobre leitor do quão pesado, sujo e pútrido é esse material. Inspirando-se no legado deixado pelos pais da coisa toda, leia-se Black Sabbath, só que elevado à décima potência em termos de aspereza e densidade, o Jupiterian surgiu recentemente e já chega com força total.

            Fundado há pouco mais de um ano, o quarteto de São Paulo acaba de lançar Archaic, seu primeiro registro oficial. Reunindo três longas e poderosas faixas, cada uma criando uma atmosfera soturna, que nos remete a um universo angustiante, V (guitarra e vocal), G (bateria), A (guitarra) e R (baixo) causam um verdadeiro dano aos ouvidos e à estrutura predial de qualquer um. Microfonias e muita distorção dão início ao trabalho, como reza a tradição do bom e velho Doom. A faixa título inicia com peso e lentidão em toda sua magnitude, com o vocal de V intimidando até quem já é devidamente acostumado com a ferocidade do estilo proposto. Simplesmente aterrador! Procession Towards the Monolith vem na seqüência e continua com as guitarras mais sebosas e imundas produzidas pelo homem, além de um desempenho fenomenal da cozinha, e pra terminar (infelizmente, pois bem que poderia ter mais umas três canções pra completar o pacote), temos Currents of Io que tem início com uma narração extraída do filme Jupiter Odissey, um documentário produzido pela NASA na década de 70. Apesar de consideravelmente mais melódica que o restante do material em seus poucos mais de 10 minutos de duração, ainda assim transborda peso e agressão de forma pulsante.

            Archaic foi masterizado por James Plotkin (ex-Khanate) que já trabalhou com parte das bandas mais pesadas do mundo hoje, incluindo Conan, Bongripper, Windhand entre outras, o que explica a forma perfeita como peso e qualidade sonora trabalham em profunda congruência nesse registro.

Jupiterian
Jupiterian

            Infelizmente esse trabalho ainda só existe para download gratuito (link logo abaixo), mas já dá pra baixar e curtir a melhor “doomzeira” da atualidade, portanto fica a dica: gravadoras e selos especializados, estão esperando o quê? Pra assinar contrato com sangue e para no mínimo uns cinco discos. De olhos fechados! Pode confiar.

Nota: 9,0

  

Formação:

  • V (guitarra e vocal)
  • G (bateria)
  • A (guitarra)
  • R (baixo)

Faixas:

  1. Archaic
  2. Procession Towards the Monolith
  3. Currents of Io

  

Contatos:

https://www.facebook.com/jupiteriandoom?fref=ts

http://jupiterian.bandcamp.com/releases

[youtuber error=’Not a YouTube, Vimeo or Google Video URL: https://www.youtube.com/watch?v=-uDmjGe6-VA’]

Sobre Ricardo Costa

Casado, 42 anos, médico veterinário. É fã de música desde a adolescência, principalmente dos subgêneros mais extremos do Metal. É fã também incondicional de cinema, principalmente de horror e ação. Seu principal hobby é pesquisar e conhecer bandas novas e filmes obscuros. Trará sempre novidades acerca de lançamentos, bem como artigos, matérias e entrevistas muito interessantes para os nossos leitores

Veja Também!

bomba

Vídeo: Show do Rammstein com “homem bomba” gera polêmica com muçulmanos

Participando do Rock in Vienna, na capital austríaca, a banda Rammstein utilizou sua famosa pirotecnia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *