Especial Jason Voorhees — Sexta-Feira 13 (1980)

Começo aqui, o primeiro, de 12 artigos, desta vez, falando de cada filme da série de terror slasher Sexta-Feira 13 e mostrando minha opinião pessoal a cerca de cada um destes clássicos do terror. Foram 12 filmes produzidos e 10 intérpretes do assassino mascarado. Por ordem de lançamento, o primeiro filme será o original de 1980, que contou com o iniciante Kevin Bacon. Apesar de ser um filme antigo, possui uma legião de fãs em todo o globo.

Sexta-Feira 13 (Friday the 13th) – 1980

Sinopse: O Acampamento Cristal Lake será reaberto. Monitores ansiosos, seus olhos brilhando com nobres ideias, e seus hormônios à flor da pele, estão prontos para liderar as canções e brincadeiras dos hóspedes. Mas há um jogo que não constava na lista de atividades. Alguém resolveu brincar de Mate o Monitor. Todo fã do gênero sabe que o vilão sempre retorna. E nenhuma outra série se mostrou melhor que a pioneira. Ele sobrevive, eles morrem. Ele, com a ajuda de sua adorável mãe, é Jason. Eles logo descobrirão que a Sexta-Feira 13 é o dia do azar máximo.

sexta-feira 13

Sexta-Feira 13 foi o precursor de uma série de filmes de terror de grande sucesso, um filme que realmente iria dar o que falar. Bastante comentado no início dos anos 80, este filme foi muito bem recebido pela maioria dos fãs do gênero. Sean S. Cunningham, que havia feito junto de Wes Craven “Aniversário Macabro” em 1972, queria fazer um filme realmente assustador, que chocasse bastante quem o assistisse. “Halloween” de 1978, serviu de base para a criação de Sexta-Feira 13. As pessoas queriam ver maníacos perseguindo adolescentes indefesos. Ele chamou Victor Miller e assim criaram uma história onde Victor define que o essencial para fazê-la emplacar era:

1° Precisamos de um mal que aconteceu há muito tempo e que foi muito ruim.
2° Precisa-se de um grupo de adolescentes ou pós adolescentes em um lugar onde não podem receber ajuda de ninguém.
3° Se fizer sexo, você morre.

sexta feira 13

Friday the 13th” foi um dos primeiros nomes que Sean S. Cunningham pensou para o filme. E assim foi, pois, já causaria um certo impacto no público quando mencionado. Lembro-me quando ouvi falar deste filme pela primeira vez, bateu uma curiosidade de saber por que este se chamava Sexta-Feira 13 e por quê todos falavam deste filme como um dos mais assustadores que tinham? Devido a esses questionamentos, assisti e tive a conclusão de que o filme não afetou somente jovens e adultos, mas também as crianças. Desde a infância, posso dizer que “Jason interferiu em minha vida”. Desde os primeiros anos de ensino fundamental, era frequente no horário do lanche ou da saída, pequenas rodas formadas para contar histórias de terror. De fantasmas à bruxas, o velho Jason sempre era assunto de conversa, até por que muitos dali nunca haviam assistido à nenhum dos filmes do maníaco pois, vários pais não deixavam devido o conteúdo violento, atiçando ainda mais a curiosidade de muitos que desejavam assistir ao menos um minutinho de Sexta-Feira 13. Posso dizer então que Jason era um verdadeiro bicho-papão entre as crianças.

sexta-feira 13 poster

Aclamado pelo público e rejeitado pela maioria dos críticos, Sexta-Feira 13 é um filme para ser assistido várias vezes. Diferente de muitos outros, e principalmente de uma de suas inspirações, o filme conquista pelo mistério envolvendo o maníaco. Sexta-Feira 13 nos presenteava com a dedução em cima da identidade do homicida, ora Jason estava “morto”, quem seria o responsável pelos assassinatos? as únicas pistas eram de que poderia ser alguém que conhecia o local como se fosse sua própria casa e de que alguma maneira estava ligado diretamente com os moradores do Cristal Lake.

cristal lake

O elenco era formado por atores iniciantes. Kevin Bacon, o garoto de Nova York, já havia feito os filmes “O Clube dos Cafajestes”, “Encontros e Desencontros” e “Procura-se um Herói”. Adrienne King, era atriz de comerciais e fez participações em filmes como “Os Embalos de Sábado à Noite” e “Hair”. Após o sucesso de Sexta-Feira 13, Adrienne foi perseguida por um fã obsessivo. Após a prisão do indivíduo, abalada, a atriz decidiu dar um tempo em sua carreira e se dedicar à pintura. Voltou às telas em 2010. Contudo, apesar do elenco jovem, levando em conta que segundo a própria Adrienne, um ator com menos de 21 anos fazia tudo por um papel, a performance de cada, em minha visão, foi boa, principalmente a de Mark Nelson como o brincalhão Ned. Betsy Palmer era conhecida por atuar em filmes de drama e romance e por ser jurada no game show “I’ve Got a Secret“. Quando seu empresário ligou e disse que havia uma proposta para um filme de terror, a atriz exclamou: “Oh não!!“, mas no final das contas acabou aceitando o papel porque precisava de dinheiro. Betsy recebeu comentários negativos por parte de alguns críticos por aceitar o papel de Pamela Voorhees.

sexta feira 13 elenco
Elenco Principal
betsy palmer
Betsy Palmer em sua performance como Pamela Voorhees, a mãe de Jason
robbi morgan
Robbi Morgan em cena de perseguição
crazy ralph
Walt Gorney como o mensageiro apocalíptico Ralph

A maquiagem para o personagem de Jason foi feita por Tom Savini, que chamou a atenção de Sean S. Cunningham pelo seu trabalho em “O Despertar dos Mortos” de George A. Romero. Inicialmente, o maníaco teria uma aparência normal, mas com várias mudanças no roteiro, Sean e Victor Miller decidiram que para deixar com um aspecto mais assustador, Jason teria de ser terrivelmente deformado e estranho. O resultado foi o da foto abaixo:

jason sexta-feira 13
Tom Savini preparando Ari Lehman para sua breve aparição como Jason

A trilha sonora do filme foi composta por Harry Manfredini e a decisão foi que ela tocaria quando o assassino estivesse presente nas cenas. Houve ausência de música em algumas cenas do filme onde representavam perigo ou sustos. Essas decisões foram tomadas para que o público relaxasse um pouco e assim o susto seria mais eficaz. O famoso sussurro “ki ki ki, cha cha cha” que é um dos temas que representa a presença do assassino, foi gravado por Harry Manfredini em um microfone e na verdade, as palavras que Manfredini usa são “ki ki ki, ma ma ma“. Mais um detalhe é que as palavras são reduções da famosa frase recitada por Pamela Voorhees: “killer mama“, “ki” de killer e “ma” de mama. Quando pronunciou as duas sílabas no microfone, houve um eco, dando a impressão de que elas são repetidas e transformando o “ma ma ma” em “cha cha cha“. Ao meu ver, a trilha sonora de Sexta-Feira 13 é uma das mais memoráveis, principalmente o tema de abertura que é acompanhado da escrita Friday the 13th com um efeito 3D se aproximando da tela e quebrando um espelho.

sexta-feira 13 abertura

OUÇA NO YOUTUBE

Com um orçamento de US$ 500 mil dólares, o longa arrecadou mais de US$ 5 milhões em seu primeiro final de semana e possui 59% de aprovação no Rotten Tomatoes e 62% de audiência. Após assistirem a uma exibição do filme, a Paramount decidiu comprar por US$ 1,5 milhões os direitos sobre ele. O lançamento em home vídeo nos Estados Unidos ficaria por conta da Paramount e no exterior pela Warner. Foram lançadas quatro edições do filme aqui no Brasil. A primeira em VHS legendado, em meados de 2000 a primeira edição em DVD legendada e sem extras, e uma edição especial em 2008 com extras e com a dublagem do estúdio Herbert Richers. A três primeiras edições em home vídeo foram lançadas pela Warner Home Vídeo. Uma quarta edição foi lançada em 2012 pela Vintage Distribuidora. Essa edição faz parte de uma coleção em box dos nove primeiros filmes. Essa última não possui muitos extras, mas todos os filmes possuem dublagem original dos anos 80.

friday the 13th -- 1980 -- Paramount Pictures

O filme tem sua exibição na TV aberta a cargo da Rede Globo e Bandeirantes. No final da década de 80 e parte da de 90, os filmes eram exibidos pela Rede Globo, que também foi responsável pela dublagem brasileira do filme. Do final dos anos 90 até 2005, a Bandeirantes passou à exibir os filmes da série com a dublagem original da Rede Globo. Atualmente os filmes foram arquivados pelas emissoras.

Foi filmado ao redor das cidades de Blairstown e Hope em Nova Jersey, no acampamento No-Be-Bo-Sco. O camp funciona até hoje como um acampamento de verão.

KEVIN BACON SEXTA-FEIRA 13

Elenco principal de Sexta-Feira 13:

Adrienne King como Alice
Betsy Palmer como Pamela Voorhees
Harry Crosby como Bill
Peter Brouwer como Steve Christy
Laurie Bartram como Brenda
Robbi Morgan como Annie
Jeannine Taylor como Marcie
Kevin Bacon como Jack
Mark Nelson como Ned
Rex Everhart como Motorista do caminhão
Ronn Carroll como Sargento Tierney
Ron Millkie como Oficial Dorf
Walt Gorney como Ralph
Ari Lehman como Jason Voorhees

Elenco de dublagem de Sexta-Feira 13

A dublagem feita para a Rede Globo e liberada para algumas edições em DVD. Foi feita pelo extinto estúdio Herbert Richers no Rio de Janeiro e conta com vozes dos atores Selton Mello, Guilene Conte, Marco Ribeiro, Ricardo Schnetzer, Sumára Louise, Myriam Thereza, Carlos Seidl entre outros.

Myriam Thereza: Alice (Adrienne King)
Selma Lopes: Pamela Voorhees (Betsy Palmer)
Armando Braga: Bill (Harry Crosby)
Ricardo Schnetzer: Steve Christy (Peter Brouwer)
Sumára Louise: Brenda (Laurie Bartram)
Guilene Conte: Marcie (Jeannine Taylor)
Marcelo Meirelles: Jack (Kevin Bacon)
Selton Mello: Ned (Mark Nelson)
Carlos Seidl: Motorista do caminhão (Rex Everhart)
Marco Ribeiro: Sargento Tierney (Rex Everhart)
Marco Ribeiro: Oficial Dorf (Ron Millkie)
Ronaldo Magalhães: Ralph (Walt Gorney)

FONTE DE DUBLAGEM: FÓRUM DUBLANET

Sobre Jackson Tavares

Admirador do cinema, aprecia todos os gêneros cinematográficos com objetivo de levar ao leitor o que há de melhor do assunto.

Veja Também!

jason32

Sexta-feira 13 ganhará série de TV e remake

E parece que Jason está voltando com tudo para as telinhas. O vilão (herói para …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *